Conselhos que quem tenta engravidar dispensa ouvir

Não é por mal. Dão-se ‘conselhos’ e fazem-se comentários com o intuito de ajudar.
Afinal, ninguém está confortável com a dor do outro…

Mas muitos dos conselhos que os casais que tentam engravidar costumam ouvir ajudam pouco ou nada, deixando-os a pensar se não teria sido melhor opção terem ficado calados.

Precisamos muito de aprender a ouvir e isso significa aceitar que, às vezes, não temos de responder, que não há nada para dizer, e que está tudo bem se assim for.

Ao longo destes anos, depois de dezenas de histórias, tenho um top 10 dos conselhos/comentários habituais.
Vê se reconheces algum:

1. Vai de férias! (variação: deixa de tentar)
2. Porque é que não adotas? (variação: se adotares, engravidas logo)
3. Já não tens muito tempo / Tens imenso tempo.
4. Se calhar é porque não tem de ser (variação: é a vontade de Deus)
5. Porque não experimentas [introduzir mezinha, chá, posição sexual, fruta mágica, oração]
6. Agora com os tratamentos que se fazem, isso resolve-se.
7. Pelo menos vais-te divertindo a tentar.
8. Deixo-te os meus filhos lá em casa e vais ver que mudas logo de ideias.
9. Eu engravidei à primeira.
10. Ao menos não tens de te preocupar com contracetivos (variação: ao menos não é – introduzir uma doença qualquer).

Quando alguém partilha a sua história connosco, duas coisas simples que podemos dizer são:

1. Posso ajudar de alguma forma?
2. Estou aqui para ti, quando precisares/quiseres falar sobre…

Dependendo da relação que se tem, um abraço também pode ajudar.

Fica uma menção especial à minha cliente Isabel que, cansada de ouvir sempre o mesmo, a determinada altura mandou fazer uns pequeninos cartões para entregar a quem a ouvia enquanto falava das suas dificuldades em conceber um bebé, e onde se lia:

“Obrigada por nos ouvires. Não precisas dizer nada mas podes convidar-nos para jantar.” 🙏

E quanto a ti que estás a tentar, se achares que te posso ajudar, estou aqui para ti.

NEWSLETTER

 

Detestas ter a caixa de correio cheia de emails? Eu também. Prometo só dar notícias de vez em quando!

Fechar
Este site utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação.