Café? Sim, obrigada!

Adoro café.

Quando fecho os olhos e penso n’A Felicidade, ela tem cheiro a café.
Acabado de fazer.
Com a espuma certa. Na temperatura certa. Na chávena certa.
Com paisagem, livro, silêncio ou amigos – mas sempre café.

Tenho o terrível hábito de deixar um restinho no fundo e um rasto, por onde passo, de copos e chávenas que me fizeram feliz há horas (ou dias ?) atrás… Enfim, desculpo-me achando que sou uma espécie de Gretel à procura o caminho de volta, só que não com chocolate.

Quando lancei o ebook nunca imaginei que chegasse aos milhares de downloads que acumulou até hoje.
São quase 10.000 em três anos, dos quais muitos resultaram diretamente em meia dúzia de linhas de agradecimento ou de parabéns. Outros resultaram em plágios, inspiração para “cenas menstruais” e utilizações menos próprias mas, enfim, as acções ficam com quem as pratica e portanto “sorrio e aceno” com votos de boa sorte…

Há duas semanas recebi um mail:

Querida Patrícia, não me conhece e desculpe se abuso na forma como a trato mas cá em casa é como se sentasse connosco à mesa há muito tempo. Tinha deixado de tomar a Qlaira quando uma amiga (sua cliente) me falou do seu ebook e comecei a seguir o Círculo Perfeito… Nunca cheguei a marcar consigo porque entre mudar de país, regressar e mudar-me outra vez nestes dois anos, confesso que nunca foi prioridade mas a atenção ao ciclo foi comigo sempre (…)
Sei que deve receber muitas fotografias dos bebés das suas clientes mas quis partilhar uma foto do nosso porque, sem saber, contribuiu para que ele hoje estivesse cá.
A informação que disponibiliza, e sobretudo a forma séria como o faz, não tem preço e espero que não se sinta ofendida mas gostava de contribuir (…) em jeito de agradecimento pelo que disponibiliza a quem a segue online. Já pensou em aderir ao Patreon? (…) Gostaria de contribuir e estou certa de que não sou a única.

Que surpresa!… ?

Bem sei que os portugueses conseguem ser muito solidários em situações de desgraça mas ter alguém a querer contribuir por algo que é/foi gratuito, é efectivamente raro por cá.
Reconhecer valor ao conteúdo, querer pagar o tempo despendido ou perceber que os produtos que são avaliados de forma séria não resultam de patrocínios de marcas – “à la blogger” – é mesmo raro.

E nisto bebericava o meu café, cheia de ranho e a secar as lágrimas, e repunha também (mais) um bocadinho de fé na humanidade.

Não vou aderir ao Patreon, pelo menos para já, mas decidi criar um fundo para a minha dose diária de café, esse espectacular motor de inspiração, motivo de felicidade e de falta de chávenas nos armários da cozinha.

Se segues o Círculo Perfeito, se gostaste do ebook ou da informação da última newsletter, se encontraste por aqui conteúdo de que gostaste, que te ajudou ou fez sentido, se fazes parte do grupo de FB ou usufruíste de um qualquer desconto que ofereci; sobretudo se sabes que a generosidade é redonda (para poder circular) e queres contribuir com um grão de café, podes agora fazê-lo aqui.

Agradeço sinceramente o reconhecimento e, entre posts, ponho mais água a ferver ☕️

Carrinho Item Removido. Desfazer
  • Nenhum produto no carrinho.